Empreendimento vai atender agricultores familiares da região e agregar valor à produção de frutas

por Diego Barros

Já estão garantidos os recursos para instalação de uma unidade de beneficiamento de polpa de frutas em Japaratinga, no litoral Norte de Alagoas, ainda durante o ano de 2011. O valor investido pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), via Territórios, será de R$ 135 mil não-reembolsáveis.

A unidade será instalada por meio da Associação dos Produtores Agrícolas de Japaratinga, que ficará responsável pela gestão da fábrica. Inicialmente, a unidade irá beneficiar entre 70 e 80 produtores familiares, mas poderá atender a 300. Anualmente, poderão ser processadas até 200 toneladas de frutas, principalmente manga, mangaba e caju.

Mas segundo o engenheiro agrônomo Tertuliano Moreira, gerente da Secretaria de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário (Seagri) no litoral Norte, por meio do trabalho de assistência técnica, também será incentivada a produção organizada de maracujá, graviola e abacaxi para ser enviada à fábrica.

“A região tem grande potencial para produção de frutas, porque é abundante em água, tem muitos rios, é possível fazer irrigação, e tem solos férteis. A assistência técnica já está trabalhando na organização dessa produção”, frisou Tertuliano.

De acordo com ele, a produção de abacaxi no município de São Miguel dos Milagres está sendo uma das maiores dos últimos anos: 1 milhão de frutos. “A colheita se encerra este mês de janeiro”, informou. “Quando houver a fábrica em Japaratinga, parte dessa produção poderá ser enviada até lá”, afirmou Tertuliano.

Ainda segundo Tertuliano Moreira, Japaratinga foi o município escolhido para instalação da unidade por conta da localização geográfica, do interesse da gestão municipal e dos produtores.

Fonte: Agência Alagoas

Anúncios