Número de participantes femininas cresceu nesta edição do campeonato, realizado em União dos Palmares

Corrida atraiu diversos atletas em União dos Palmares

As comemorações do Dia da Consciência Negra em Alagoas foram concentradas na Serra da Barriga, em União dos Palmares, município que abrigou Zumbi e vários quilombolas que fugiam da opressão sofrida durante o regime escravo no Brasil. Neste domingo (20) foi realizada a 30º Corrida da Consciência Negra, que atraiu corredores de vários estados do Brasil.

Segundo a organização, cerca de 60 pessoas se inscreveram para a corrida, quase o dobro do ano passado. Desses, 58 enfrentaram o sol forte e a poeira e conseguiram completar o percurso. A largada foi na praça principal da cidade e terminou no alto da serra.

Jhon Lenon, de Garanhuns-PE foi o vencedor da etapa masculina, seguido por Cristiano Gregório, de Maceió, e Cristóvão da Silva, de Palmeira dos Índios. Na categoria feminino, as vencedoras foram Luciene Holanda, Maria Silvânia e Débora Feiden, todas de Maceió, chegaram em primeiro, segundo e terceiro lugar, respectivamente.

A premiação na categoria masculina é de R$ 500 para o primeiro colocado, R$ 300 para o segundo e R$ 200 para o terceiro. Já no feminino, são R$ 300 reais para a primeira colocada, R$ 200 para a segunda e R$ 100 para a terceira. Segundo o secretário de Esportes de União dos Palmares, a diferença nos valores é justificada pelo número de participantes em cada categoria. “Esse ano tivemos um numero maior de mulheres participando, mas no ano passado chegou a sobrar premiações”, explicou.

Fonte: Gazetaweb.com

Anúncios